quarta-feira, 12 de novembro de 2014

domingo, 9 de novembro de 2014

"Pessoa nefasta"


autor: Gilberto Gil

Tu, pessoa nefasta
Vê se afasta teu mal
Teu astral que se arrasta tão baixo no chão

Tu, pessoa nefasta
Tens a aura da besta
Essa alma bissexta, essa cara de cão

Reza
Chama pelo teu guia
Ganha fé, sai a pé, vai até a Bahia
Cai aos pés do Senhor do Bonfim

Dobra
Teus joelhos cem vezes
Faz as pazes com os deuses
Carrega contigo uma figa de puro marfim

Pede
Que te façam propícia
Que retirem a cobiça, a preguiça, a malícia
A polícia de cima de ti

Basta
Ver-te em teu mundo interno
Pra sacar teu inferno
Teu inferno é aqui

Pessoa nefasta

Tu, pessoa nefasta
Gasta um dia da vida
Tratando a ferida do teu coração

Tu, pessoa nefasta
Faz o espírito obeso
Correr, perder peso, curar, ficar são

Solta
Com a alma no espaço
Vagarás, vagarás, te tornarás bagaço
Pedaço de tábua no mar

Dia
Após dia boiando
Acabarás perdendo a ansiedade, a saudade
A vontade de ser e de estar

Livre
Das dentadas do mundo
Já não terás, no fundo, desejo profundo
Por nada que não seja bom

Não mais
Que um pedaço de tábua
A boiar sobre as águas
Sem destino nenhum

Pessoa nefasta

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

domingo, 12 de outubro de 2014

Begin again (Mesmo se nada der certo) - 01


"Begin again" (Mesmo se nada der certo), um filme ótimo !
O filme, escrito e dirigido por John Carney, a atuação de um dos meus atores preferidos, Mark Ruffalo, assim como as canções fantásticas de Gregg Alexander, dispensam maiores comentários.
A soundtrack entrou no meu iPod no mesmo dia...

sábado, 11 de outubro de 2014

Simply Red - Home

 


"What's worth nothing else but love
I'm prepared to take the heat now
What's worth more than anything else at all
To keep you firmly on your feet now"

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

Eu acredito no próximo voo

foto por: C. Marcela Ferraz


Eu acredito na vida, não acredito em Deus
Eu acredito na esperança, não acredito na religião
Eu acredito na verdade, não acredito nos santos
Eu acredito na luz, não acredito na mentira
Eu acredito na vingança, não acredito na traição
Eu acredito no sorriso, não acredito no silêncio
Eu acredito em carência, não acredito em amigos
Eu acredito na morte, não acredito  na doença
Eu acredito na energia, não acredito em milagres
Eu acredito em iconoclastia, não acredito em idolatria
Eu acredito na prática, não acredito na teoria
Eu acredito na escolha, não acredito na sorte
Eu acredito na foto, não acredito na lembrança
Eu acredito na Física, não acredito na Medicina
Eu acredito na Metafísica, não acredito no destino
Eu acredito no voo, não acredito no pouso
Eu acredito no amor, não acredito na solidão
Eu acredito no personagem, não acredito no ator
Eu acredito na Evolução, não acredito na Criação
Eu acredito no dicionário, não acredito na Bíblia
Eu acredito nas conquistas, não acredito nos sonhos
Eu acredito no beijo, não acredito no sexo
Eu acredito na Filosofia, não acredito na hipocrisia
Eu acredito no mar, não acredito na praia
Eu acredito na preguiça, não acredito na ignorância
Eu acredito no palco, não acredito no divã
Eu acredito na união, não acredito no casamento
Eu acredito no olhar, não acredito nas palavras


quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Eduardo Suplicy

 
Este senhor é um dos políticos que mais merece meu respeito e por muitas vezes mereceu o meu voto.
Caro Sr. Eduardo Suplicy, o senhor é um dos políticos mais honrados, dignos e merecedor de todos os elogios recebidos até hoje. Não consigo imaginar qualquer cidadão que tenha a coragem de levantar uma acusação quanto ao seu caráter enquanto político, defendendo os interesses da população paulistana enquanto vereador, da população paulista enquanto deputado estadual e de todo brasileiro enquanto deputado federal e senador.
É com tristeza que vejo a sua derrota na última disputa pelo senado, mesmo assim, vejo isso com previsibilidade e total compreensão. Falo, sobretudo por mim. Foi com lástima, mas com total certeza e argumento, que pela primeira vez eu não lhe dei o meu voto. Desde 1991, o senhor teve o meu voto, nas três eleições para senador, mas não agora.

Parece ser uma redundância dizer que Eduardo Suplicy é bom político. Trata-se de algo indiscutível, entretanto sua sigla, o PT, e seus correligionários, prestaram todo um desserviço à sua história política. Nos últimos meses, ver-lhe de mãos dadas em um palanque com Alexandre Padilha, Lula, Dilma Rousseff, entre outros, foi o suficiente para que eu tivesse a certeza de que o seu adversário receberia o meu voto. E assim ocorreu.

 O senhor sabe que, hoje, a grande maioria dos paulistanos e paulistas não quer mais o PT, seja em qual instância for, e me incluo nessa categoria. Foram inúmeras as vezes que eu o vi discordar do pensamento fluente do PT, inclusive publicamente, mesmo que sua postura permanecesse discreta e elegante. Cito a sua disposição enquanto presidenciável em 2001, a divergência com José Sarney, o descontentamento com os envolvidos no Mensalão, a sua colaboração para com a Rede Solidariedade, o asilo para Edward Snowden, e diversas outras situações que sugeriam a sua saída do Partido dos Trabalhadores, assim como muitos outros políticos fizeram a fim de manter a coerência, a ética, o argumento e inclusive o eleitor.


Parabéns pelo excelente trabalho enquanto senador nos últimos 24 anos, mas enquanto ainda estiver no Partido dos Trabalhadores, não terá mais o meu voto.



sábado, 20 de setembro de 2014

Simply Red - Something got me started



Pense em 2014... pensou?
É isso, 2014 é Simply Red... sempre será !

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

"Acrilic on canvas"


foto por: Her Filho

autor: Renato Russo / Renato Rocha / Dado Villa-Lobos / Marcelo Bonfá

É saudade, então
E mais uma vez
De você fiz o desenho mais perfeito que se fez
Os traços copiei do que não aconteceu
As cores que escolhi entre as tintas que inventei
Misturei com a promessa que nós dois nunca fizemos
De um dia sermos três


Trabalhei você em luz e sombra


E era sempre:
- Não foi por mal, eu juro que nunca quis deixar você tão triste
Sempre as mesmas desculpas
E desculpas nem sempre são sinceras
Quase nunca são


Preparei a minha tela
Com pedaços de lençóis que não chegamos a sujar


A armação fiz com madeira
Da janela do seu quarto
Do portão da sua casa
Fiz paleta e cavalete
E com lágrimas que não brincaram com você
Destilei óleo de linhaça
Da sua cama arranquei pedaços
Que talhei em estiletes de tamanhos diferentes
E fiz, então, pincéis com seus cabelos


Fiz carvão do batom que roubei de você
E com ele marquei dois pontos de fuga
E rabisquei meu horizonte


E era sempre:
- Não foi por mal, eu juro que não foi por mal, eu não queria machucar você, prometo que isso nunca vai acontecer mais uma vez.


E era sempre, sempre o mesmo novamente
A mesma traição


Às vezes é difícil esquecer:
"Sinto muito, ela não mora mais aqui."


Mas então, por que eu finjo
Que acredito no que invento?
Nada disso aconteceu assim
Não foi desse jeito
Ninguém sofreu
É só você que me provoca essa saudade vazia
Tentando pintar essas flores com o nome
De "amor-perfeito"
 

E "não-te-esqueças-de-mim"

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Remédios


Não gosto disso. Não quero isso. Não compreendo e não aceito que o ser humano precise de remédios para viver.
O universo é imenso. A vida é inexplicavelmente diferente do que pensamos que ela é. Não faz nenhum sentido sermos parte de algo tão grande e, ao mesmo tempo, sermos assim tão fisicamente frágeis. A mente e a alma são tão poderosas, mas parecem não caber em uma massa física tão fraca e frágil quando o corpo humano.
O corpo, a mente, a alma, o espírito, a razão, a emoção, o instinto e a cultura do ser humano, parecem jamais estar em harmonia entre si. E a culpa total é da própria humanidade, que opta sempre pela estupidez e pela mediocridade.
Doenças são emoções, são reações psicossomáticas. A Medicina trabalha no desenvolvimento da cura, e não está errada, pois é o seu papel. Mas prefiro ir na causa, do que ficar apenas na consequência.
Uma ação gera infinitas reações. Essa é uma das leis da vida, e da Física. Evite a causa e não sofrerá a consequência. Talvez a cura do câncer esteja na Física e não na Medicina.
O pensamento gera emoção e energia. Emoção gera energia e sensação. Sensação e energia explicam-se pela Física, logo, a emoção também poderia ser. A emoção pode ser negativa ou positiva. A alegria move um tipo de partícula, assim como o medo. Essas partículas movem outras, assim sucessivamente, transcendendo o corpo e ultrapassando limites previstos pela ciência padrão.
Logo, eu não estaria errado em dizer que, não é uma metáfora quando afirmo que a depressão não está apenas dentro de nós, e sim também no ar em que respiramos.
Emoções, doenças e a Física, são mais íntimos e intrínsecos do que você imagina.
Eu não aceito o simples fato de que o nosso corpo precise ou dependa de remédios para ser forte ou para se curar.
A mente cura, o corpo simplesmente deveria obedecer.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Paul McCartney & Bruce Springsteen

Para mim, é certamente na música que se explica a razão da vida.
Emoções que ficam pequenas em palavras, como por exemplo, ver juntos Sir Paul e The Boss.


segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Dave Weckl, Vinnie Colaiuta & Steve Gadd



Dave Weckl, Vinnie Colaiuta e Steve Gadd, juntos?
Isso é irresistível. Poderia durar duas horas.

segunda-feira, 21 de julho de 2014

"Em tempos de guerra"

 
autor: Her Filho (Direitos Registrados)

Em tempos de guerra
É perigoso escolher mais um adversário, ao invés de um amigo.

Em tempos de guerra
O que é ainda pior é achar que o inimigo de sempre, agora será amigo.

Em tempos de guerra
A trégua é valiosa quando se percebe que acabaram todas as armas.

Em tempos de guerra
Se, render-se não for o melhor caminho, então é melhor fugir.

Em tempos de guerra
Se o seu exército morreu primeiro, corra para um bom esconderijo.

Porque o inimigo vai te pegar.


domingo, 20 de julho de 2014

Sons of Anarchy (The Final Season)





S O N S    O F     A N A R C H Y

(The Final Season)

sábado, 19 de julho de 2014

Sons of Anarchy



Paul Brady & The Forest Rangers - "Gimme Shelter"

S O N S    O F   A N A R C H Y

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Copa do Mundo 2014

Eu, desde o princípio, fui e mantive-me até hoje, contra realização da Copa do Mundo aqui no Brasil. Isso foi muito antes de alguns desavisados saírem às ruas, em 2013, levantando a bandeira do “Não vai ter copa”. Sim população, haveria Copa, houve Copa.
Não adiantaria e não adiantou agir com vandalismo e estupidez, destruindo o patrimônio público, gerando confusão, ostentando palavras vazias, embora eu saiba que a intenção de muitos que ali estavam protestando, era pacífica. Gritar “não vai ter Copa” foi quase uma infantilidade e ingenuidade, pois a Copa aconteceria de qualquer maneira.
Aproximadamente 99,9% do povo neste país, diante da TV, gritou e torceu por cada lance da seleção brasileira. O que de fato era relevante era prever e entender o que agora constatou-se, ou seja, o fiasco que foi este evento chamado “Copa do Mundo 2014”.
Foi em 2003 que o Brasil apresentou a FIFA o seu interesse efetivo em sediar a Copa 2014. Em Março 2006, a CONMEBOM, Confederação Sul-Americana de Futebol, anunciou o Brasil como único candidato. Em Julho 2006, a FIFA aceitou a candidatura do Brasil, e após todos os trâmites necessários, em Outubro 2007, confirmou a decisão de que a Copa seria sediada aqui.
Desde então, isso tudo me pareceu uma insanidade social, uma irresponsabilidade política e, sobretudo uma estúpida estratégia de marketing, para promover não sei se o país ou o partido em questão. O partido em questão é o Partido dos Trabalhadores. Uma ação orquestrada pelo então Presidente Lula, seu Ministro dos Esportes, Orlando Silva e toda uma engenhosa equipe.
Na época, já se sabia que o custo geral seria muito maior do que o orçamento, seja nacional, seja estadual, no que diz respeito aos estados que sediariam alguns jogos. Parece-me que grande parte da população esperou seis anos para entender o absurdo que seria isso tudo. E o que é ainda pior é que muitos ainda não entenderam.
A Copa já acabou e o resultado foi conforme previsto. O que a população ganhou com isso? O que você ganhou com isso? Novos saguões nos aeroportos? Vias e obras inacabadas? Estádios novos, como os de Manaus e Cuiabá? Hotéis mais cheios? Bares lotados como na Vila Madalena em São Paulo ou em Copacabana no Rio
Se hoje, alguns setores do governo, estão anunciando que a Copa foi positiva para o turismo no país, eu pergunto-lhe: no que exatamente isso foi positivo para o seu bolso ou para o seu dia a dia?
Talvez boa parte dos brasileiros considere que tudo isso tenha sido positivo, apenas porque saiu mais cedo do trabalho alguns dias. O que é patético.
Foi um verdadeiro fracasso social, moral, político e econômico.
Fale-me, qual a quantidade de hospitais, creches, escolas e moradias que poderia ser construída com a enorme quantia investida na Copa?
Cite-me um jogador desta seleção, incluindo o arrogante (e demitido) técnico, que não é mascarado. Cite-me um que não esteja mais preocupado com cabelos, tatuagens, selfies no Instagram, posts no Twitter, fones de ouvido, cachês de publicidade do que com a bola na rede.
Na TV, o show de horrores! Desde os jogos da seleção até as fatídicas entrevistas. Não me interessa absolutamente nada a lágrima que o Sr. Neymar Jr. deixou cair ao dizer em rede nacional que está triste e abalado com a derrota humilhante que a seleção sofreu da Alemanha (e da Holanda). Como se não nos bastasse a armadilha política, ainda tivemos que ver o sucateamento do esporte.
Um fiasco, um fracasso. Uma péssima e estúpida investida. No Palácio do Planalto ou nos estádios, sabe por onde saiu o tiro?
Pela culatra.




quinta-feira, 17 de julho de 2014

Michael Jackson: perdão

Eu sempre tive uma tendência quase incondicional de aceitar e perdoar todas as insanidades do Michael, mas ultimamente ele tem testado a minha capacidade de perdão.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Michael Jackson: Hollywood tonight


Clipe oficial da música "Hollywood tonight", lançada em 2011 no álbum póstumo "Michael".
Responda para mim: Onde está o Michael na imagem acima?

terça-feira, 15 de julho de 2014

Boardwalk Empire - Final Season 5 (HBO)



Aguardando ansiosamente o começo da 5° e última temporada dessa ótima série. Quase um ano esperando. Elenco, produção, fotografia, figurino, edição e direção exemplares, apesar do roteiro que excedeu um pouco a quantidade de detalhes.
Mais uma que deixará saudades quando acabar.
Salve, mestre Steve Buscemi !
The Final Season, em 07 de Setembro.

segunda-feira, 14 de julho de 2014

domingo, 13 de julho de 2014

Eu não tenho Facebook


Eu não tenho Facebook.
Criei uma conta, e lá consegui permanecer por apenas uns três meses, mas desde Abril, já está desativada.
De fato, constatei o previsto. Achei uma das maiores inutilidades e futilidades que já vi. Um constante jogo patológico, repleto de carências, vaidades e solidões camufladas.
Uma total falácia, que abriga e afaga a falta de sentido na vida de três a cada dez pessoas do planeta (por enquanto).
Tenha uma vida. Saia do Facebook.
Encontre-me na rua.


sábado, 12 de julho de 2014

"The one with the birth"


"The one with the birth", a classic scene !
Laughter and joys. Fantastic !

sexta-feira, 11 de julho de 2014

quinta-feira, 10 de julho de 2014

Melhor

imagem: "Homem Vitruviano" de Leonardo Da Vinci

autor: Her Filho (Direitos Registrados)

Melhor viver do que sobreviver
Melhor ser poliglota do que ser troglodita
Melhor te escutar do que ser surdo
Melhor precisar da pressa do que da compressa
Melhor sair por aí do que ficar por aqui
Melhor ter um lado frágil do que ter dois
Melhor hoje do que ontem
Melhor um homicídio do que um genocídio
Melhor ter um problema do que um pobrema
Melhor resumir de novo do que sumir pra sempre
Melhor dois ratos na rua do que um dentro de casa
Melhor usar do que abusar
Melhor a amizade colorida do que o casamento cinzento
Melhor dois lápis do que um lápis
Melhor o voto do que o devoto
Melhor parecer do que falecer
Melhor ter barba do que ter espinha
Melhor uma espirrada do que uma ex-pirada
Melhor ganhar um saco vazio do que um soco cheio
Melhor ouvir o aprendiz do que quem não sabe o que diz
Melhor estar por uma atriz do que por um triz
Melhor a rainha do que o rei
Melhor ter um engate do que um desgaste
Melhor o outro ficar doente do que eu
Melhor não ler nada do que ler a Veja
Melhor ter ciúmes do que ter inveja
Melhor perder a vez do que a tez
Melhor ir pra Toscana do que pra tosquera
Melhor um sabão do que um babão
Melhor o interesse do abraço do que o abraço por interesse
Melhor um par do que dois ímpares
Melhor o nascimento tardio do que a morte prematura
Melhor um bar do que um bazar
Melhor a imunidade do que a humanidade
Melhor perder os avós do que perder a voz
Melhor forjar um anel do que forjar uma situação
Melhor um pássaro na mão do que na gaiola
Melhor um prato fundo do que um pranto profundo
Melhor ouvir a verdade do que convir com a mentira
Melhor dois sorrisos do que só um riso
Melhor explicar do que justificar
Melhor alguém na cama do que na maca
Melhor entrar no risco do que entrar um cisco
Melhor usar a filosofia do que a fisiologia
Melhor ter bom senso do que consenso
Melhor a obra do mestre do que o mestre de obras
Melhor a pernoite do que o período
Melhor você ouvir as minhas besteiras do que eu as suas
Melhor a anarquia do que a autarquia
Melhor comer vegetal do que animal
Melhor os Beatles do que os The Beatles
Melhor a solução do que o soluço
Melhor ser um protozoário do que um pronto usuário
Melhor quebrar o pau de arara do que a arara com pau
Melhor ter paixão do que compaixão
Melhor uma burrice do que duas
Melhor eu ser do meu jeito do que do seu
Melhor beber do alambique do que do Alan Bic
Melhor o CD do que o vinil
Melhor a Aguilera do que a Beyonce
Melhor a Lady Gaga do que a lady fanha
Melhor falar do que calar
Melhor abordar do que abortar
Melhor fotografar do que ser fotografado
Melhor ser machista do que feminista
Melhor correr atrás do que correr na frente
Melhor uma boa piada do que uma espiada
Melhor uma doença curável do que uma estupidez incurável
Melhor um copo imundo do que a Copa do Mundo
Melhor é melhorar senão estraga
Melhor ter uma língua do que uma íngua
Melhor ter seus seios do que ter anseios
Melhor o sucesso do que o regresso
Melhor ser analista do que o último da lista
Melhor ventar do que apenas aventar
Melhor pecar do que pescar
Melhor ser demitido do que ser desmentido
Melhor ter essa idade do que ter ansiedade
Melhor mulher de amigo meu do que amigo de mulher minha
Melhor ser assim do que ser assado
Melhor ser fã do Chaves do que do Hugo Chavez
Melhor ter um filho com a puta do que ser um filho-da-puta
Melhor ver alma penada do que ver alma depenada
Melhor ser suado do que zoado
Melhor ter jogo de cintura do que ter dor na coluna
Melhor ficar no Sol do que no lençol
Melhor dirigir triste do que ser preso alegre
Melhor ser evolucionista do que criacionista
Melhor é ser o melhor naquilo que faz
Melhor te comer do que passar fome
Melhor dar a vacinada do que a vacilada
Melhor ter os pés no chão do que o teto na cabeça
Melhor ser aprovado do que apavorado
Melhor nevar do que não haver
Melhor comer um mamão do que duas mãos
Melhor ver o nexo do fim do que o fim no sexo
Melhor o destino incerto do que o caminho errado
Melhor ter um e-mail do que um e meio
Melhor é melhor do que pior
Melhor a água do que o fogo
Melhor é eu ser o Her
Melhor eu parar de escrever o que é melhor
Porque é melhor guardar segredo
Depois eu te conto.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

"Land of confusion"


autor: Mike Rutherford / Tony Banks / Phil Collins


I must have dreamed a thousand dreams
Been haunted by a million screams
But I can hear the marching feet
They're moving into the street

Now, did you read the news today?
They say the danger has gone away
But I can see the fire's still alight
They're burning into the night

There's too many men, too many people
Making too many problems
And there's not much love to go around
Can't you see this is the land of confusion?

This is the world we live in
And these are the hands we're given
Use them and let's start trying
To make it a place worth living in

Oh, Superman, where are you now?
When everything's gone wrong somehow?
The men of steel, these men of power
Are losing control by the hour

This is the time, this is the place
So we look for the future
But there's not much love to go around
Tell me why this is the land of confusion

This is the world we live in
And these are the hands we're given
Use them and let's start trying
To make it a place worth living in

I remember long ago
When the sun was shining
And all the stars were bright all through the night
In the wake up this madness, as I held you tight
So long ago

I won't be coming home tonight
My generation will put it right
We're not just making promises
That we know we'll never keep

There's too many men, too many people
Making too many problems
And there's not much love to go round
Can't you see this is the land of confusion?

Now, this is the world we live in
And these are the hands we're given
Use them and let's start trying
To make it a place worth fighting for

This is the world we live in
And these are the names we're given
Stand up and let's start showing
Just where our lives are going to