sábado, 7 de março de 2009

"O parto e a morte"

foto por: Her Filho

autor: Her Filho (Direitos Registrados)

Se vou falar do tempo, então esqueça o que eu lhe disse ontem
O que passou não volta
O que vem agora já virou passado em alguns instantes
Alguns dias são poucos para a alma
Minutos não são nada para a vida
Em poucas horas a saudade é absoluta
A alma existe há milhões de anos
Assim também é a natureza
A certeza de estar vivo é soberana
Porque o mundo não tem idade
O tamanho da alma é intocável
Esqueça o tempo e saiba que a luz da vida é eterna
O que aconteceu ontem não foi nada
O que te fez parar já não existe mais
Olhe em frente, o Sol e a Lua estão lá
Olhe ao redor, o amor e a paz estão em você
Respire o ar que ainda há por aqui
Beije a boca que ainda lhe quer
Ame o irmão que ainda é seu
A história será mais longa do que a vida
O parto e a morte são idênticos
A pressa se vai lentamente
Aqui nasce o poder do tempo

Nenhum comentário: